Costumes religiosos que talvez você não conheça

costumes religiosos

É possível encontrar diversos segmentos e ideais bem curiosos e diferentes espalhados no mundo todo. Esse número tende a aumentar ainda mais quando se trata de costumes religiosos, pois, como cada pessoa segue sua própria crença e superstição, sendo possível descobrir algumas coisas bem fora do padrão, pelo menos do que estamos acostumados a ver em nossa volta.

Antes de detalhar esses costumes religiosos um tanto quanto diferentes e desconhecidos, vale ressaltar que é bem importante respeitar todas as crenças, mesmo a mais diferente que seja. Por isso, não menospreze ou diminui algum dos costumes que serão citados aqui.

Diante disso, hoje, nesse post, estaremos abordando algumas informações sobre crenças curiosas, diferentes e, algumas vezes, divertidas de que imaginar.

1 – Casamento islâmico

 Conhecida como Manjahao casamento islâmico trouxe através de gerações tradições encantadoras, e com costumes curiosos. E isso tudo se torna mais exótico para nós, do ocidente, quando nos deparamos com hábitos culturais em relação ao casamento.

Tudo se inicia com o dia escolhido, que deve ser, em sua maioria, nas quintas-feiras, já que antecede a sexta, o considerado dia sagrado da semana para os islâmicos, durante a cerimônia a noiva deve usar o vestido tradicionais da cultura islâmica acompanhado de muitas joias de ouro.

 Outro costumes  mais diferentes da cerimônia fica para as pinturas e massagens de açafrão  que são feitas na noiva alguns dias antes do casamento, para ela fazer uma boa passagem à vida adulta, cheia de prosperidade e fertilidade. Essa crença é chamada de “henna”.

Outro fato interessante é que o casamento pode ser celebrado por qualquer membro da sociedade, que entenda sobre os costumes e a religião. Durante a cerimônia pessoas de outras religiões podem ser convidadas, contanto que respeite as regras de vestimentas.

 O casamento islâmico possui costumes religiosos bem espirituais, conservadores e buscando a prosperidade do casal, sendo respeitado de geração para geração.

2- Joya no kane e a purificação budista para o ano novo

O budismo é uma religião que chama muita atenção das pessoas e uma das tradições mais diferentes que os budistas praticam ocorre antes do ano novo, mais especificamente, no dia 31 de dezembro. Antes da virada de ano, diversos monges, com morados locais de vilas ou cidades, se juntam em um templo para tocar as 108 badaladas de um grande sino – representando 108 pecados durante o ano -.

Sendo chamada de joya no kane, essa tradição religiosa, segundo os budistas, purifica o ambiente ao redor e alma de todos que escutam o som vindo do sino para o próximo ano, fazendo eles se libertarem das más lembranças do passado.

3 – Os Homens “nus” do jainismo

Apesar de não ser muito conhecido no ocidente, o Jainismo é uma das religiões mais antigas do oriente, mantendo diversos seguidores e pessoas que seguem seus principais costumes, até os mais curiosos.

Ela é dividida em diversas seitas e seguimentos, que apresentam seus costumes, crenças e superstições próprias. Entre elas, uma das que atraem mais seguidores é a Digambara. Diante dos costumes religiosos que ela possui, um se destaca por, digamos, ter uma tradição bem fora do comum. Todos os monges seniores da Digambara, simplesmente, não utilizam roupas. Eles alegam que não estão nus, e sim usando o meio ambiente, ou algo próximo disso.

O principal motivo do abandono da roupa por quem segue o Digambara está correlacionado ao abandono de bens e propriedades, não precisando possuir posses para o conforto e felicidade.

4 – Proibições de igrejas evangélicas

Vindo do protestantismo cristão, as crenças evangélicas chegaram a níveis grandes, conquistando diversos seguidores pelo mundo todo, incluindo o Brasil. Diante disso, muitas das igrejas evangélicas “não todas”  apresentaram algumas proibições e costumes religiosos bem diferentes e, até então, curiosos de se imaginar. Os mais diferentes são:

  • Não bater palma durante, ou ao final, dos cultos
  • Mulheres não podem usar calças, somente saias mais longas, e nem cortar o cabelo
  • Nada de ir ao cinema ou praias
  • Não é permitido assistir televisão ou esportes

Como falado, algumas igrejas evangélicas são mais abertas e não seguem esses costumes religiosos. Porém, bastante curioso de se imaginar essas proibições naquelas que seguem.

5 – O E-Meter da Cientologia

De longe, a Cientologia é uma das religiões mais diferentes de todo o mundo e, consequentemente, com costumes religiosos bem foras dos padrões. Entre todas as curiosidades, uma que é bem famosa, e polêmica, dentro da Cientologia é o aparelho E-Meter, que dizem medir toda a resistência elétrica da epiderme e, com isso, definindo se a pessoa possuir barreiras espirituais a bloqueando.

As pessoas que se unem à Cientologia necessitam fazer testes no E-Meter para saber se está livre dos obstáculos e pode, finalmente, se juntar à religião. A grande polêmica se apresenta que esses testes não apresentam curas e só podem ser feitos por alguns especialistas, com muitos admitindo que os testes são falsos.

Surgimento e importância da bussola